Imagine aquela pessoa que acabou de se formar no Ensino Médio, cheia de sonhos e planos, abrindo um site para fazer um teste vocacional, e como área sugerida aparece: Tecnologia.

Ela se empenha em colher todas as informações que achar espalhadas na internet. Os olhos brilham ao ver cada notícia de como o mercado é exponencial. Ali, a decisão é tomada: partiu faculdade de Sistemas de Informação!

Serão 4 anos aprendendo sobre fundamentos da programação, de sistemas operacionais, engenharia de software, matemática aplicada e outras fundamentações teóricas. Mas de uma coisa essa pessoa ainda não sabe: existem aprendizados que só o dia a dia proporciona. Ela não estará pronta só com o curso.

Até o momento estávamos falando sobre o estudante, que tem pouca experiência, mas esse ensinamento pode facilmente ser aplicado para os profissionais com anos de mercado. Há habilidades e aprendizados que nenhuma faculdade ensina.

Segundo o relatório produzido pelo Fórum Econômico Mundial, publicado em março de 2020, 35% das habilidades mais demandadas para a maioria das ocupações deve mudar em um curto espaço de tempo. Estamos vivendo a Quarta Revolução Industrial: a era da robótica avançada, automação no transporte e Inteligência Artificial.

ia

Se você está passando por um momento como este, vale se atentar às 5 habilidades fundamentais para se destacar nestes novos tempos, e que nenhuma faculdade de TI ensina:

1. Inteligência Emocional

O mal do século já foi apontado como a depressão. Outras questões como ansiedade e síndrome do pânico e síndrome do impostor também são recorrentes em profissionais que lidam com prazos, metas e grandes responsabilidades. Por isso, a inteligência emocional é uma das habilidades a ser desenvolvida. Com uma gestão adequada das emoções, é muito mais fácil evitar esses males ou passar pelas crises de forma mais branda e serena.

2. Pensamento crítico

Segundo especialistas, a competência do século 21. O pensamento crítico é a junção da capacidade de comunicação, habilidade de reconhecer o centro do problema, de saber fazer as perguntas oportunas e de olhar para uma questão sob diferentes óticas.

3. Criatividade

Lembre-se: Robôs não possuem essa habilidade, por isso, com ela saímos na frente de qualquer máquina. Exercitá-la diariamente significa estar sempre a um passo, ou mais, adiantado. Por isso, crie! Todos os dias, de preferência.

4. Capacidade de julgamento e de tomada de decisões

A rotina corporativa pede cada vez mais tomadas de decisões em ambientes de alta complexidade. É muito comum vermos essa habilidade em bons líderes, então se espelhe neles, caso deseje um dia chegar nesta posição.

5. Negociação

Não só para profissionais da área de tecnologia, saber negociar pode e vai abrir portas em qualquer empresa. Lidar com pessoas é um ato constante de negociação.

Bom, agora que você já conhece algumas das habilidades mais solicitadas para se destacar no mercado, mãos a obra!

Estude sempre!
Vá atrás de capacitação, mas não se esqueça de desenvolver também soft skills que vão além da grade da faculdade e do escopo dos cursos técnicos.

Show CommentsClose Comments

Deixe seu comentário